O que é o Microsoft Power Apps e para que serve?

Boa parte da migração que empresas fazem pelo mundo todo para o ambiente digital é graças a aplicações online que otimizam processos, oferecem utilidades e favorecem o trabalho coletivo conectado, essas aplicações são conhecidas como power apps. 

Uma das grandes empresas do ramo de tecnologia, a Microsoft desenvolveu uma série de aplicações destinadas a atender as demandas de gestão e operação de empresas de diversos portes e áreas de atuação. 

Mesmo que os aplicativos como os criados pela Microsoft, outras empresas do ramo de tecnologia ou até por desenvolvedores e programadores independentes geram muito retorno para as empresas, em geral ainda existem muitas pessoas que não os conhece. 

O conjunto Microsoft power apps é uma plataforma completa de gestão empresarial, ela conta com serviços, dados e aplicações capaz de agilizar os processos produtivos e reduzir custos. 

Como funciona o Microsoft Power Apps?

A principal ideia da plataforma é automatizar processos por meio de um ambiente altamente personalizável para atender diferentes demandas de uso e compartilhamento das ações por colaboradores e difusão de tarefas pelos gestores. 

Como o Microsoft Power Apps é possível que uma empresa de portaria de condomínio automatize  processos de cobrança, delegue funções e mantenha toda a rede de funcionários conectada entre si e com os gestores. 

Essa conectividade é essencial para organizações que buscam maneiras mais ágeis e simples de criar softwares mais adequados às necessidades da empresa. 

Os power apps não exigem nenhum grande conhecimento prévio em programação ou informática. 

Seu uso é muito simples por que ele usa um modelo “no code”, ou seja, não exige a formulação de códigos para criar um aplicativo.

As ferramentas disponíveis na plataforma utilizam uma aba de criação no estilo drag and drop que permite arrastar e organizar as ferramentas. 

Sendo assim, o gestor de uma empresa pequena de instalação de vidro temperado pode mesmo sem uma experiência em programação gerar um aplicativo que seja útil para o dia a dia do negócio. 

Os aplicativos se tornam muito acessíveis, estão disponíveis para computador, IOS e android. A definição de público dessa aplicação também é versátil e pode ser definida tanto para gestores quanto para o organograma completo da empresa. 

Contudo, é importante salientar que o power apps é projetado para oferecer soluções empresariais internas, ou seja, para serem utilizados dentro da empresa e não para o público externo. 

Uma empresa de aluguel de apartamento pequeno planejado pode criar uma aplicação para conectar representantes, mas não serve como busca para pessoas interessadas. 

De forma mais técnica o Microsoft Power Apps é o conjunto de quatro aplicações desenvolvidas pela Microsoft: 

  • Power Apps;
  • Power BI;
  • Power Automate; 
  • Power virtual agent. 

Cada uma dessas aplicações tem uma função específica e em conjunto elas são um potente meio de criação de aplicações completas e estáveis com altíssimo nível de personalização. Tudo isso com um grande potencial de automatização de processos. 

Junto com essas quatro aplicações o Microsoft Power Apps uma empresa de inspeção cautelar veicular pode ter sua aplicação conectada com todo o pacote Office 365, (Microsoft word, Excel, Powerpoint, entre outros.), SQL Server e Dynamics 365. 

Com todas essas aplicações relacionadas, o pacote Microsoft Power Apps é uma ferramenta segura, com todos seus recursos retidos em nuvem com protocolos de segurança e uma base de dados comum gigantesca. 

De forma geral, o Microsoft Power Apps pode ser chamado de uma ferramenta focada no desenvolvimento econômico de alta produtividade.

Sua função é desenvolver aplicativos personalizados para negócios de todos os portes e meios como o serviço de vigilância patrimonial

Entrando nos detalhes das plataformas de criação do Microsoft Power Apps, é possível dividir os processos de criação de um aplicativo em quatro pontos: 

  • A criação a partir de amostras;
  • A conexão com as fontes de dados;
  • A aplicação aos formatos;
  • Gerenciamento. 

É possível criar um aplicativo a partir de formatos pré-definidos, amostras de inspiração ou até do zero com uma tela em branco. 

O sistema dessa etapa é bastante simples, tudo é gerado a partir de um mecanismo de clicar e puxar para montar sua configuração. 

Depois de criar um layout para a aplicação, deve-se atentar para quais são as funções necessárias para que o aplicativo supra as demandas do dia a dia de trabalho e para as fontes de dados que alimentarão a plataforma durante o uso. 

Para que os funcionários de uma empresa de forro em drywall passem a utilizar de todas as ferramentas dos aplicativos é preciso disponibilizá-lo para download. 

Antes disso é preciso programá-lo na linguagem de Windows, iOS e Android e publicar via um link próprio. 

Depois dessas etapas e até a publicação e até durante o uso do aplicativo pelos funcionários, o aplicativo deve receber aprimoramentos a partir da experiência de uso e o gerenciamento das pontas soltas do design inicial. 

Em geral, a forma mais comum de obter acesso ao Microsoft Power Apps e o conjunto de plataformas para criação de aplicações é por meio do pacote Microsoft 365. Algumas das compras desse pacote garantem a inclusão do Power Apps. 

O Microsoft Power Apps está disponível para conexão com mais de trezentas fontes de dados e serviços e as conexões comuns entre eles e todos os usuários de uma única aplicação que centralize as ações e ferramentas. 

Quais são as vantagens do Microsoft Power apps 

Com as funcionalidades do Microsoft Power Apps uma empresa de catraca giratória pode criar uma aplicação digital com processos muito mais simples do que com programação e design feitos da forma tradicional e do zero. 

A principal função dos aplicativos é organizar processos, acionar diversos setores de forma fácil e automatizar processos de catalogação de informações e confirmações. Com isso, a equipe humana pode focar nas atividades mais essenciais e produtivas.  

Uma das principais diferenças do Microsoft Power Apps para outros programas de criação de plataformas otimizadas de trabalho é a possibilidade de conexão com fonte de dados. Transferência de informações, estruturas de conversão de arquivos e compatibilidade. 

Para isso o Microsoft Power Apps está conectado com todo o pacote office, share point, Dynamics 365, Gmail, Trello e outra série de aplicações relacionadas aos dados. Assim o fluxo de informação fica mais fluido e eficiente. 

O Microsoft Power Apps desenvolve aplicações muito versáteis, além do criador poder selecionar quais são os dispositivos compatíveis.

Sendo assim, ele possui portabilidade para computadores e dispositivos online com iOS, Android e Windows com 100% de compatibilidade. 

Ainda é possível que as aplicações funcionem parcialmente mesmo sem a conexão estável com a internet. Essa ferramenta não está disponível  na maioria dos outros programas acessíveis de otimização de processos empresariais. 

Uma rede de impressão em impressoras UV pode criar uma aplicação de gestão de unidade em compartilhamento entre todos os pontos de vendas. Todo o processo de instalação e uso é tão simples quanto a própria criação do aplicativo. 

Considerações finais

O Microsoft Power Apps é um conjunto de ferramentas online que ajudam na criação de aplicativos empresariais internos para otimizar tarefas do dia a dia, automatizar recursos mais básicos, criar um fluxo de comunicação entre os colaboradores e também gerir dados. 

Implementar essa solução tecnológica ainda é um diferencial das empresas mais antenadas, mas cada vez mais se tornará uma necessidade das empresas que buscam gerir melhor os recursos e ampliar sua presença digital inclusive nos processos internos. 

Junto aos mecanismos de fácil navegação e alteração na criação da aplicação, o Microsoft Power Apps tira proveito de uma série de recursos digitais como Dynamics 365 e o Office, além de outros equipamentos autônomos. 

A aplicação criada no Power Apps permite que os dados sejam armazenados a partir e também gerados nas mais diversas plataformas como SharePoint, SQL Server, Google Calendar, Planners, Teams, Gmail e outros geradores de banco de dados. 

A segurança deste aplicativo também é um destaque, todos os dados são alocados em nuvens e a proteção contra perdas e outros danos está garantida pelo mesmo sistema que protege os dados da gigante da tecnologia Microsoft. 

Para a criação de aplicativos a Microsoft Power Apps permite que se utilize de modelos prontos, escolha ferramentas, personalize a interface e outra série de vantagens sem necessidade de nenhum conhecimento prévio de programação. 

Se uma empresa de maior porte tem a capacidade de contar com um programador contratado ou um departamento de tecnologia da informação é possível estender o uso das aplicações para gerar ainda mais vantagens. 

O Microsoft Power Apps é uma das ferramentas que a empresa dispõe para fazer a sua própria transformação digital. Com isso é possível aumentar consideravelmente a produtividade com a redução de custo e um baixo investimento. 

Deixe um comentário